13 espaços de Coworking em São Paulo que valem a pena

Ser freelancer está em alta. Os tempos de crise econômica trouxeram uma maré forte de espírito empreendedor e atitude do-it-yourself. Cada vez mais profissionais estão decidindo ter controle sobre a sua vida profissional e se lançando como autônomos.

Fazer o tal do home office pode ser um sonho para muitos. Mas apesar da hype, sabe-se que os grandes problemas do home office envolvem misturar a vida pessoal e profissional, se isolar em casa e passar horas demais na frente do computador. O isolamento acaba muitas vezes por afetar a criativade e a produtividade do profissional.

Por outro lado, quem já tentou sair e trabalhar em cafés, sabe que essa não é uma tarefa fácil por causa do ambiente muitas vezes barulhento e pela frequente falta de internet Wi-Fi de qualidade.

5 + 1 motivos para trabalhar como freelancer
10 livrarias e bibliotecas incríveis em São Paulo
5 + 1 lugares para desestressar em São Paulo
19 lugares Pet Friendly em São Paulo

Para superar o desafio de ter um ambiente produtivo para trabalhar como freelancer, surgiram os espaços de coworking. Por uma mensalidade ou diária, o profissional dispõem de um espaço compartilhado para trabalhar e terceiriza atividades como o de secretária e de controle de correspondência, além de  amortizar custos como o de aluguel de escritório, sala de reunião, luz, água, Internet, máquina de café e impressora.

Outra vantagem dos espaços de coworking é a chance de se conectar com pessoas engajadas em objetivos e visões semelhantes e se manter atualizado com eventos e workshops. Não é por acaso, que muitas startups surgem e/ou se estabelecem em espaços de coworking.

O coworking tem se popularizado cada vez mais pelo Brasil, principalmente pela capital paulista. Em áreas como design e programação, ser freelancer em espaços coworking tem se mostrado um bom negócio.

Por isso, freelancermap, uma plataforma especializada em vagas freelancers de TI, listou 13 espaços de coworking em São Paulo que valem (MUITO) a pena você considerar. Confira a lista e fuja do tradicional!

Espaços de Coworking pagos

1. Impact Hub

Coworking em São Paulo: Impact Hub

Foto: Impact Hub (Todos os direitos reservados).

Localizado na rua Bela Cintra, em Pinheiros, o Impact Hub promete ser muito mais que um espaço coworking. A ideia por trás é unir uma comunidade de empreendedores e negócios com impacto em um espaço inovador e com toda a estrutura necessária para o trabalho. Excelente oportunidade para fazer networking, conhecer projetos inspiradores e participar de eventos. Passe lá para conhecer mais. O plano part-time tem um preço camarada de R$ 350.

2. Eureka!

Ali na Vila Mariana, foi criado um espaço para gerar e compartilhar ideias. O nome não podia ser outro: Eureka! Esse espaço de coworking surgiu pelo ideal de se criar uma economia compartilhada e sustentável, capaz de transformar as cidades e o mundo. Se você se identifica com esse conceito e quer um ambiente ideal para transformar suas ideias em realidade, esse coworking está te chamando. Com biblioteca comunitária, workshops e programação cultural, o preço é bem amigo: pode-se ter uma mesa compartilhada a partir de R$ 99,9 ao mês, com café expresso à vontade.

3. WeWork

Coworking em São Paulo: WeWork

Foto: WeWork Berrini (Todos os direitos reservados).

A WeWork é a maior empresa de coworking do mundo (e a quinta startup mais valiosa do planeta). Em São Paulo, a WeWork está em quatro endereços: na região da Faria Lima, na Paulista, na Berrini e na Torre JK. Os preços variam entre as unidades, mas na Berrini, por exemplo, é possível ter uma mesa por R$ 500 ao mês. Se você deseja trabalhar num espaço elegante, com café à vontade, serviço de recepção dedicado, ajuda personalizada do Gerente da Comunidade e com acesso a uma rede global de empreendedores e eventos especiais, a WeWork é a escolha certa.

4. Codesign

Designers, uni-vos! A Codesign, na Vila Olímpia, tem o intuito de criar um espaço vivo, onde os profissionais da área de design podem se inspirar, experimentar, criar e trocar experiências. O espaço oferece uma biblioteca de design, café grátis, estacionamento conveniado, bicicletário, copa, salas de reunião e de descompressão (espaço confortável para para bater papo, ler uma revista e fazer uma pausa), secretária, serviços de impressão, cursos e eventos de design e muito mais. O plano mensal sai por R$ 800, mas existe a opção de diária por R$ 50.

5. Hilo

Coworking em São Paulo: Hilo

Foto: Hilo (Todos os direitos reservados).

Você tem um dog e não quer deixar seu melhor amigo em casa? Localizado no coração da Vila Madalena, o Hilo Coworking tem o grande diferencial de ser dog friendly, aceitando raças de pequeno e médio porte. O acesso é super fácil por metrô e o ambiente é bem iluminado e moderno. Uma diária custa a partir de R$ 50 e os planos vão ficando mais em conta se você fechar um pacote trimestral ou semestral. Com foco na troca de experiências e networking, o Hilo promove diversos eventos de trabalho e lazer.

6. Ahoy! Berlin

Mais um coworking, na Vila Madalena, o Ahoy! aposta no seu DNA Europeu como grande diferencial. A capital Berlim, na Alemanha, se estabeleceu nos últimos anos como um excelente ecossistema para startups e um pólo de criatividade. E é essa experiência que a Ahoy! pretende trazer à São Paulo. Local perfeito para startups e empreendedores que desejam se conectar com a comunidade, com investidores e com o mercado europeu. Com um ambiente clean e moderno, o preço da mensalidade sai por R$ 850 reais.

7. CO.W Coworking Space

Coworking em São Paulo: COW Berrini

Foto: COW Berrini (Todos os direitos reservados).

O CO.W Coworking fica na região da Berrini e comporta até 550 pessoas. Mas não se assuste: o espaço de coworking oferece um ambiente super bonito, sossegado, bem equipado e aconchegante. Tem tudo o que você precisa para ser mais produtivo e focar no que realmente importa. Os planos começam a partir de R$ 490 ao mês (cafézinho incluso, claro) e você pode pedir um orçamento de acordo com a sua demanda. A agenda de eventos é sempre agitada e vale a pena ficar de olho.

8. 2work

Quer trabalhar na Avenida Paulista? A 2work em São Paulo fica  no 19º andar do condomínio Edifício Barão do Rio Branco e você pode ter do escritório uma vista privilegiada da região e do Parque Ibirapuera. O foco do espaço é a sua produtividade, oferecendo mobiliário ergonômico, serviços de impressão, fax e atendimento telefônico personalizado. O plano part-time, sem sala de reunião, sai por R$ 300 por mês. Nada mal levando em conta o endereço privilegiado.

Espaços de Coworking gratuitos

9. Google Campus São Paulo

Espaços de Coworking em SP: Google Campus

Foto: Google Campus São Paulo (Todos os direitos reservados).

Localizado no Paraíso, esse é um espaço da Google para empreendedores. Você vai precisar fazer um cadastro de membro e ter um crachá para ter acesso ao local. O Campus tem Wi-Fi gratuito, muitas pessoas interessantes e você pode trabalhar lá quando desejar e de acordo com a disponibilidade do momento. Aproveite!

10. Iluminário

Precisa fazer uma reunião, mas não tem lugar para ir? Precisa trabalhar, mas está sem grana para pagar um coworking? Boas notícias: a Oppa, marca de móveis e acessórios de design que fica na Vila Madalena, criou um espaço aberto ao público, batizado de “Iluminário”. O local é totalmente sem custos, possui dois andares, está totalmente mobiliado e ainda oferece cafézinho.

11. Centro Cultural São Paulo

Centro Cultural São Paulo

Foto: Centro Cultural São Paulo (Divulgação).

Localizado ao lado da estação Vergueiro do metrô, o CCSP tem uma área ampla de 46.500 m², várias mesas, Internet gratuita e abriga pessoas que buscam um local tranquilo para trabalhar. Quem quiser pode relaxar após um longo dia de trabalho no jardim suspenso e aproveitar a programação de teatro, filmes, mostras e o acervo da biblioteca.

12. Biblioteca Mário de Andrade

A Biblioteca Mário de Andrade, primeira biblioteca pública de São Paulo, fica na Rua da Consolação e foi modernizada em 2011. Ela oferece salas de leitura que podem ser utilizadas como espaço de coworking. O Wi-Fi é gratuito e a biblioteca fica 24 horas aberta! Lugar perfeito para quem é produtivo de madrugada ou precisa cumprir uma deadline de última hora.

13. Biblioteca de São Paulo

Biblioteca de São Paulo

Foto: Biblioteca de São Paulo (Divulgação).

Mais um na lista de espaços de coworking gratuitos, a Biblioteca de São Paulo foi inaugurada em 2010 e fica entre as estações de metrô Santana e Carandiru. Com Internet grátis e mais de 40 mil itens em seu acervo, a biblioteca é um ótimo lugar para quem procura um espaço para trabalhar. Para quem tem criança e sofre para fazer home office, a biblioteca tem brinquedoteca e programas infantis. Ótima chance para despertar nos pequenos o gosto pela leitura e, de quebra, conseguir por o trabalho em dia.

Show some

Siga-nos nas redes sociais

Todos direitos reservados © Marktplatz Mittelstand GmbH & Co. KG 1996-2019